ter | 29 de setembro de 2020

19 3407 . 1050

Acompanhe-nos:

Notícias

Sinditec participa de Audiência com Governador

O presidente do Sinditec, Dilézio Ciamarro, participou dia 29/05 de audiência com o governador João Doria, no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo. Entidades representativas do setor têxtil e de confecção, tanto patronal como dos trabalhadores, apresentaram uma agenda propositiva ao governador com prioridades para melhorar a competitividade da indústria paulista.

Entre as reivindicações, Dilézio ressaltou a necessidade de se ampliar a concessão do benefício do crédito outorgado de ICMS para insumos ainda não contemplados, como é o caso do algodão. Outro ponto importante destacado pelo presidente do Sinditec refere-se ao custo de energia, envolvendo gás natural e GLP. É preciso encontrar mecanismos para equalizar a taxa desses importantes custos de produção, de forma a torná-la competitiva nacional e internacionalmente, pois só assim será possível concorrer no mercado global.

Na agenda constaram ainda outras três principais reivindicações:

Cola fiscal: permitir a adoção da sistemática prevista na lei complementar 160/2017 – possibilitando ao Estado de São Paulo concorrer, de forma isonômica, com outros Estados da Federação. Essa solicitação já foi protocolada na Secretaria Estadual da Fazenda.

 – Créditos acumulados de ICMS: atuar com a finalidade da desburocratização e consequente facilitação do uso de créditos acumulados de ICMS, inclusive para o pagamento de fornecedores.

 – Combate à informalidade: adotar uma política consistente e integrada entre os entes da Federação, com o propósito de combater, sem tréguas, a informalidade e a sonegação.

“O governo foi bem atencioso com todos os presentes e agradecemos pela oportunidade de apresentar questões importantes para o setor. São assuntos que precisam de uma interferência do governo. Estamos confiantes em ações positivas a partir dessa reunião”, comentou.

O documento entregue ao governador foi assinado também pelos presidentes do Sinditêxtil-SP, Luiz Arthur Pacheco, do Sindivestuário, Ronald Masijah, do Sindicato dos Trabalhadores Têxteis de Santa Bárbara d´Oeste, Cláudio Peressim, do Sintratêxtil, Sérgio Marques, da Abrafas, Renato Boaventura, do Sindicato dos Mestres e Contramestres de São Paulo, Jorge Ferreira.

Participaram ainda da reunião o presidente da Abit, Fernando Pimentel, Haroldo Silva, da Abit, e a secretária estadual de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen da Silva.

Inclusão de municípios no Polo de Desenvolvimento Têxtil

O presidente Dilézio Ciamarro entregou também ao governo um ofício solicitando a inclusão dos municípios de Nova Odessa, Santa Bárbara d´Oeste e Sumaré no Polo de Desenvolvimento Econômico Têxtil. No anúncio feito semana passada pelo governador, foi contemplada somente a cidade de Americana.

“Os demais municípios de nossa base também são fortes representantes na cadeia produtiva têxtil. Por isso protocolamos ontem essa solicitação ao governador para que nossa região esteja incluída no Polo de Desenvolvimento Têxtil e todas as cidades de nossa base recebam os mesmos estímulos anunciados pelo Estado. O governo viu com bons olhos nossa solicitação”, comentou.

Clique aqui e acesse a galeria de fotos.

Share on facebook
Compartilhar
Share on twitter
Compartilhar
Share on whatsapp
Compartilhar
Share on email
Email